Conheça os prós e os contras dos dois métodos depilatórios mais comuns

depil ikesaki - 18.02.2016 16:41, Depilação, Tendências

Com tantas opções no mercado, fica difícil escolher o método mais apropriado para se livrar dos pelos do corpo. Para que a escolha certa seja feita, a especialista da clínica D’pil, Ana Carolina Markesz, (SP) listou os prós e contras de duas técnicas de depilação.

Segundo a fisioterapeuta, há diferenças significativas entre cada método, além de indicações para cada tipo de pele ou de necessidade. A especialista comparou os principais métodos depilatórios, mostrando a diferença, as vantagens e desvantagens de cada um. Veja!

DEPILAÇÃO COM CERA

Como funciona – Aplicação da cera, quente ou fria, diretamente na pele. Remove os pelos somente pela raiz, não eliminando as células germativas. Há diversos tipos de ceras e métodos de aplicação.
Tempo de duração e tratamento – Apenas alguns minutos.
Manutenção – Após 25 dias os pelos voltam a aparecer.
Riscos – Manchas, escurecimento da pele e encravamento dos pelos.
Dor – É o método mais doloroso de depilação, sendo que a aplicação de cera quente dói um pouco menos que a fria.
Precauções – Evitar exposição ao sol 48 horas antes e 78 horas após a depilação.

DEPILAÇÃO COM LÂMINA

Como funciona – É preciso molhar a pele com água morna por 2 a 3 minutos para hidratar os pelos. Em seguida, aplique um gel para depilação ou sabonete, que ajuda a manter a umidade da pele. Depois é só passar uma lâmina nova para eliminar os pelos.
Tempo de duração e tratamento – Apenas alguns minutos.
Manutenção – Após 2 dias os pelos voltam a aparecer.
Riscos – Pode causar alergias na pele e o encravamento de pelos.
Dor – Indolor.
Precauções – A pele não pode estar seca e é preciso limitar da lâmina em cinco vezes para não causar infecção.

Por Redação
Foto Shutterstock

compartilhar:

ikesaki

492 publicações

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Conteúdo Relacionado